Selecione a página

"Por isso, nesta Quaresma de 2020, quero estender a todos os cristãos o mesmo que escrevi aos jovens na Exortação apostólica Christus vivit: «Fixa os braços abertos de Cristo crucificado, deixa-te salvar sempre de novo. E quando te aproximares para confessar os teus pecados, crê firmemente na sua misericórdia que te liberta de toda a culpa. Contempla o seu sangue derramado pelo grande amor que te tem e deixa-te purificar por ele. Assim, poderás renascer sempre de novo» (n. 123). A Páscoa de Jesus não é um acontecimento do passado: pela força do Espírito Santo é sempre atual e permite-nos contemplar e tocar com fé a carne de Cristo em tantas pessoas que sofrem." Papa Francisco. 

O que a gente vai vivenciar nesse período da quaresma, irmã Dulce vivenciou sua vida toda: Viu, sentiu compaixão e cuidou dele com amor. E ela dizia muito: o importante é fazer a caridade, não falar na caridade. Uma pessoa humilde, simples, nunca procurou divulgar o que fazia e sim estar sempre perto daqueles que mais precisavam. Sua obra é hoje seu maior testemunho”, disse Maria Rita.

RECEBA NOVIDADES

Assine nossa newsletter e receba as notícias da CNBB N2 primeiro!